Viúva cristã entrega Bíblias para os assassinos do marido

Pabel Saenz foi morto em uma aldeia por ser cristão.

Uma viúva cristã distribuiu Bíblias e pregou o Evangelho para as mesmas pessoas que assassinaram seu marido. Kelly Saenz e Pabel Saenz se apoixonaram quando faziam a obra missionária juntos na Colômbia e acabaram se casando em 2008.

Em 23 de novembro de 2014, quando Pabel fazia uma viagem como motorista de moto-táxi, acabou indo para uma região perigosa da Colômbia e acabou desaparecendo. Kelly passou a procurar o marido por toda parte, enquanto orava a Deus.

Três dias depois do desaparecimento, ela recebeu um telefonema do chefe da guarda, informando que seu marido havia sido assassinado. O relatório apontou que Pabel foi morto estrangulado pela alça de sua bolsa quando foi atacado por moradores da região.

Viúva Prega o Evangelho

Depois da morte do marido, Kelly foi para a perigosa aldeia onde o crime aconteceu para ter uma reunião com o conselho, onde conheceu dois sobrinhos do cacique que confessaram ter matado o marido. Eles se recusaram a explicar a motivação, mas ela tinha certeza de que o crime havia acontecido por causa da fé cristã.

A missionária então confrontou os dois homens, quando ouviu a voz de Deus dizendo: “Este é o momento em que preciso ver o seu testemunho de Mim. O fruto de tudo que você e seu marido têm feito nos últimos anos.”

Foi assim que ela passou a pregar o Evangelho para aquelas pessoas da aldeia, compartilhando sua fé em Jesus Cristo e entregando Bíblias para os aldeões. Atualmente ela continua o legado do marido pregando para as pessoas naquela região.

Fonte Gospel Prime

Aguinaldo Lopes

Aguinaldo Lopes


Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *