`Mais iranianos estão vindo a Cristo´, diz organização cristã que apela por Bíblias

Já não é de hoje que o Irã tem visto o cristianismo crescer entre seus cidadãos. Esse aumento de fiéis cristãos não tem sido fácil. De acordo com a Portas Abertas, o governo iraniano vê a conversão de muçulmanos ao cristianismo como uma tentativa dos países ocidentais de minar o domínio islâmico no país.

Os cristãos ex-muçulmanos são os mais perseguidos pelo governo, família e comunidade, razão pela qual as reuniões acontecem em igrejas domésticas. 

Apesar da perseguição existente no país, os líderes cristãos que discipulando novos crentes no Irã dizem que as igrejas domésticas estão crescendo tão rápido que precisam começar a contrabandear dezenas de milhares de Bíblias.

Ter materiais e literaturas cristãs, como a Bíblia é uma alta demanda entre as igrejas iranianas.

“Por favor, me envie uma Bíblia”, pediu Hossein, um jovem iraniano, depois de assistir a um dos programas de TV persa cristãos de Elam. Um mês depois, ele ligou novamente dizendo: “Recebi a Bíblia e agora quatro de nossa família acreditam em Jesus. Por favor, você pode enviar mais Bíblias?”

Reza é um líder emergente na igreja iraniana. Ele relata que ficou muito feliz ao ler a Bíblia inteira pela primeira vez – algo que ele não podia fazer antes. Agora, ele diz estar mais ansioso do que nunca para compartilhar o Evangelho com outros iranianos.

Mona é uma das centenas de iranianas que decidiu seguir Jesus. Ela diz que ficou muito feliz ao receber uma Bíblia de um plantador de igrejas. “Pode me dar outra Bíblia? Minha prima viu o que você me deu e implorou: ‘Por favor, me dê uma Bíblia, quero ler’. Então eu dei a ela”, justificou Mona.

Firmes na fé

Com esse nível de fome pelas Escrituras, nunca houve uma oportunidade maior de alcançar os iranianos para Cristo e fortalecer a igreja por meio da distribuição ampla da Palavra de Deus, afirma a The Mission of Elam.

O treinamento de cristãos iranianos começou para ajudá-los a crescer em fé e serem capazes de formar igrejas por conta própria, relata a Voz dos Mártires (VOTM) na África do Sul.

No espaço de cerca de um ano, o movimento cresceu para quase 400 crentes dentro do Irã e 82 igrejas domésticas.

Menos de 12 meses atrás, os líderes do grupo perceberam que os novos crentes precisavam de Bíblias, então eles começaram a trazê-las de fora. Até o momento, eles trouxeram mais de 20.000 Bíblias para a igreja de rápido crescimento no Irã.

A VOTM pede oração pelo cumprimento da visão desses crentes de plantar igrejas em todos os 31 estados do Irã.

Fonte: Guiame / Com informações CHVN Radio e ELAM / Foto: Reprodução / Christian Today (23.02.21)

Aguinaldo Lopes

Aguinaldo Lopes


Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *